Subscribe:

quinta-feira, 12 de julho de 2018

Casinhas comemora 23 anos de Emancipação Política nesta quinta-feira, dia 12 de julho

Foto: Google Imagens/Reprodução

Da REDAÇÃO
charlesnasci@yahoo.com.br

Casinhas comemora nesta quinta-feira, dia 12 de julho, seus 23 anos de emancipação política. Por este motivo, hoje é feirado no município. Uma programação especial foi organizada pela Prefeitura da cidade para celebrar a data. Os eventos tiveram início na última segunda-feira (9), com a realização do Encontro Lidera Jovem; na terça (10), com o "Prefeitura em Ação", a I Feira Literária de Casinhas (FLIC) e o Concurso Garoto e Garota Emancipação 2018; e na quarta (11), com a "Cavalgada com os Vaqueiros" e o II Vozes do Repente.

Hoje, pela manhã, aconteceu a tradicional Alvorada e o Hasteamento das Bandeiras. Logo mais, a partir das 15h, será celebrada uma Missa em Ação de Graças, na Igreja Matriz de Nossa Senhora das Dores, e à noite, a partir das 19h, acontece a grande final da II Copa Futsal de Casinhas, com o duelo entre as equipes do UFC Casinhas e o Juventus da Gruta Funda. Mas as festividades não param por aí. Amanhã (13), será realizado mais um Show Talentos da Terra, com a apresentação de artistas da música local em praça pública, e no sábado, dia 14, o aguardadíssimo Show da Emancipação, com o cantor Rogério Som e a banda Mala 100 Alça, a partir das 21h.

HISTÓRIA

Segundo a tradição local, por volta de 1890, no caminho entre Bom Jardim e a mata existente no local, havia uma casinha de palha, onde vivia uma senhora portadora de deficiência que costumava dar pouso aos viajantes. Posteriormente mudou-se para o local o Sr. José Barbosa de Farias. Outras famílias estabeleceram-se no local. Em 1894, foi construída uma capela dedicada a Nossa Senhora das Dores, atual padroeira, pelo professor José Merim. A partir deste núcleo de pequenas casas, que deu origem ao nome Casinhas, surgiu o município.

O distrito de Casinhas foi criado pelas leis municipais nºs 46, de 16 de Dezembro de 1925, e nº 2, de 16 de Novembro de 1929, sendo subordinado ao município de Surubim. Foi elevado à condição de município pela lei estadual nº 11228, de 12 de Julho de 1995, com base na lei estadual complementar n° 15, de 1990, que permitiu aos municípios a solicitação da emancipação, desde que atendessem a alguns requisitos, como ter população superior a 10 mil habitantes e que o total de eleitores seja maior que 30% desta população. O município foi instalado em 1 de Janeiro de 1997. As informações são do site Wikipédia.