Subscribe:

sábado, 21 de novembro de 2020

Juliana: "Casinhas vai viver um novo tempo. Um ciclo se encerra e uma nova história começa a ser reescrita"


Da REDAÇÃO
charlesnasci@yahoo.com.br

Em entrevista concedida na última quinta-feira (19), na Rádio Integração FM, a prefeita eleita de Casinhas, Juliana de Chaparral (DEM), falou sobre a campanha vitoriosa no município. 
"Não foi uma campanha difícil, pelo contrário, foi uma campanha muito bonita, que uniu as famílias de Casinhas. A gente sentia o desejo das pessoas em querer mudança. As pessoas estavam desenganadas com o desgoverno que existia em Casinhas", contou a democrata, que esteve acompanhada nos estúdios da emissora de seu esposo, o prefeito de Orobó, Cléber Chaparral (PSD), do prefeito eleito de Orobó, Biu Abreu (DEM), além do vice-prefeito eleito de Casinhas, Maciel Sales (MDB). 

Juliana também falou sobre seu plano de governo, transição, secretariado, Câmara de Vereadores, entre outros assuntos, e até mencionou um popular slogan de campanha do deputado federal Tiririca, "Pior do que tá, não fica!", para cravar em seguida que "Casinhas vai viver um novo tempo. É um ciclo que se encerra e uma nova história que começa a ser reescrita. E eu tenho certeza que ninguém vai contar essa história melhor do que a gente. Porque vai ser uma história de trabalho, de dedicação, de estar presente ao lado do povo."

Questionada sobre qual seria sua "obra dos sonhos" para Casinhas na futura gestão, a prefeita eleita respondeu: "Minha maior obra vai ser cuidar da vida daquelas pessoas. Vai ser elas poderem olhar para trás e dizerem: 'eu fui até a prefeitura e fui atendido por Juliana'; 'eu estive no hospital e meu filho foi atendido'; 'eu estive na escola e todos esses anos meus filhos comeram uma merenda de qualidade'; 'eu andei por essas estradas sem ficar ilhado durante o inverno'. Minha maior obra será estar sempre presente nos próximos anos, trabalhando muito e caminhando lado a lado com cada casinhense".

PLANO DE GOVERNO

"Vamos obedecer o nosso plano de governo. Eu vou seguir a linha de trabalho do prefeito de Orobó, Chaparral, e só anunciar uma obra quando ela estiver com dinheiro em caixa. A partir de 1 de janeiro, quando a gente organizar tudo, virei aqui para anunciar nossas primeiras ações, porque o povo de Casinhas já vive escaldado de tantas obras que foram anunciadas e não foram cumpridas. Comigo, palavra dada é palavra cumprida. Quando eu anunciar, é porque no outro dia ela vai começar. Teremos quatro anos para que a gente possa executar o nosso plano de governo, com muito respeito e muito trabalho."

TRANSIÇÃO

"Já iniciamos o processo de transição, estaremos com nossa equipe acompanhando até o dia 31 de dezembro todos os pagamentos que estão sendo efetuados. Se Deus quiser, a partir do dia 1 de janeiro, quando eu tomar posse, antes de tudo, nós vamos fazer uma auditoria, eu preciso saber tudo que aconteceu, o que está acontecendo, todos os pagamentos que foram feitos. São 24 anos de um mesmo governo e eu preciso saber documentado como está a prefeitura, como está a folha de pagamento, é importante a gente acompanhar porque é o dinheiro do povo."

SECRETARIADO

"Quando iniciei minha campanha, eu sempre disse que Casinhas tem joias raras, com pessoas competentes e capazes, que nunca foram vistas. Eu disse e vou cumprir: todos os secretários serão de Casinhas. Nós vamos montar um governo com pessoas que são da terra, que conhecem sua história e que tem a capacidade de governar Casinhas junto com o povo e junto comigo. Não vou ser uma prefeita de birô, nem tampouco passar tempos fora de Casinhas. Eu estarei em Casinhas cada dia desse governo, lado a lado com nossos secretários e diretores. Em breve, estarei anunciando aqui quem serão os 'soldadinhos' que estarão à frente da gestão junto com Juliana de Chaparral".

CÂMARA DE VEREADORES

"Eu tenho uma médica minha, oncologista, que sempre diz: 'vivamos cada dia!'. Hoje, estamos comemorando nossa vitória, comemorando a vitória de todos os vereadores, dos quatro que foram eleitos do nosso lado e os que foram eleitos no palanque adversário. Parabenizo aqui também todos os outros candidatos que caminharam junto conosco, que foram nomeados de 'pés rapados', mas quanto orgulho eu tenho de cada um deles, porque foi com eles que eu entrei em todas as casas de Casinhas e nenhuma casa nos bateu a porta, até aqueles que já tinham a foto declarada do seu candidato escutavam nossas propostas."

A VITÓRIA DA 'FORASTEIRA'

"O povo de Casinhas não quis saber disso. O povo queria saber da Juliana que ele teve a oportunidade de ver na sua casa, da verdade que foi vista em cada palavra proferida. Após o resultado da eleição, eu até perguntei: 'será que já ligaram para o deputado estadual Aglailson Victor pra dizer que a forasteira ganhou?' Como também Danilo Cabral, que não teve uma postura ética, porque eu não sei como um deputado federal se passa para estar em cima de um palanque gritando, ofendendo, me chamando de forasteira. Mas sempre coloquei nas mãos de Deus, porque eu sabia que, no final, o bem venceria o mal. Hoje, muitos dos nossos adversários ainda estão por aí dizendo: 'foi só 559 votos'. Pois eu comemoro essa vitória com a mesma alegria se tivesse ganho por apenas um voto de diferença."

CONFIRA A ENTREVISTA COMPLETA:


Clique aqui e ouça a entrevista completa.