Passarelas


Projetos são contemplados pelo MinC

(Entre as histórias, duas são de Pernambuco) 


Diario de Pernambuco - 24 de agosto de 2008


A terceira edição do projeto Revelando os Brasis, parceria entre o Instituto Marlin Azul e a Secretaria do Audiovisual do Ministério da Cultura, divulgou na sexta-feira passada os quarenta roteiros escritos por moradores de municípios com até 20 mil habitantes, selecionados por uma comissão formada pela roteirista e diretora Ana Luiza Azevedo; pela professora e jornalista Bete Jaguaribe; pelo crítico Cássio Starling Carlos; pela coordenadora editorial do site Overmundo Helena Aragão, pela jornalista e documentarista Joana Nin; pelo supervisor do Canal Futura João Alegria; e pela antropóloga Patrícia Monte-Mór.

Entre as histórias, duas são de Pernambuco: "Passarelas, Uma História de Carnaval", de Charles Deodato do Nascimento, e "O Baque da Zabumba Centenária Contra o Tic-tac do Tempo", de Genaldo de Souza Barros.

Charles é de Casinhas, município do Agreste situado a cerca de 130km do Recife; já Genaldo vem de Iati, a cerca de 280km da capital. Os dois já embarcaram para o Rio de Janeiro, onde participam, de hoje até o dia 5 de julho, do Curso de Formação e Realização Audiovisual, com oficinas de introdução à linguagem audiovisual, roteiro, direção, produção, fotografia, som, edição, direção de arte, pesquisa, mobilização, direitos autorais e comunicação colaborativa.

Após o período de aprendizado, os dois, assim como os outros 38 selecionados, deverão retornar a suas cidades para produzir os vídeos com até 15 minutos de duração.

Moradores fazem vídeos sobre cidades
Jornal do Commercio (JC-Agreste) - 06 de setembro de 2008

Segredos e curiosidades de dois municípios pernambucanos, Casinhas e Iati, serão contados para o País inteiro através do projeto Revelando os Brasis, que selecionou, além dessas, outras 38 histórias escritas por moradores de cidades com até 20 mil habitantes para serem transformadas em vídeos digitais com até 15 minutos de duração.

Por meio do Circuito Nacional de Exibição, os curtas-metragens serão exibidos no Canal Futura, em sua cidade de origem e em DVDs, com distribuição gratuita entre organizações sociais e culturais, bibliotecas, universidades e cineclubes. O programa, que está em sua terceira edição, é realizado pelo instituto Marlin Azul e pelo Ministério da Cultura, com patrocínio da Petrobrás.

Charles Nascimento, 27 anos, será o autor do vídeo sobre Casinhas. Para ele, a cidade, com mais de 14 mil habitantes, não será a mesma depois que o vídeo estiver pronto. "Os casinhenses vão ficar conhecidos, em uma vitrine", estima. Com as mesmas expectativas, o aposentado Genaldo de Souza Barros, de 53 anos, pretende fazer um resgate da cultura popular de Iati, hoje com 17,4 mil moradores.

Encantados com as novas chances originadas pelo projeto, os autores já decidiram sobre o futuro: querem ser cineastas. E a oportunidade – disputada por 671 candidatos de todo o Brasil – já está sendo consolidada. Com todas as despesas pagas, Charles e Genaldo participaram, no Rio de Janeiro, de oficinas para produção dos vídeos. "Passarelas, Uma História de Carnaval" é o nome do conto de Charles, que será transposto para a linguagem audiovisual. Já a história de Genaldo é sobre um zabumbeiro e percursionista de 104 anos que toca numa banda de pífanos. 


PS - Em breve, confira aqui no Blog, o clipping jornalístico completo do arquivo pessoal de Charles Nascimento sobre o projeto "Passarelas, Uma História de Carnaval.