Subscribe:

quarta-feira, 14 de abril de 2021

Os fantasmas do ex-prefeito Geraldo Júlio


Do BLOG DE RICARDO ANTUNES
charlesnasci@yahoo.com.br

Eram pouco mais das 17h quando o ex-prefeito Geraldo Júlio (PSB) ainda imaginava que tinha tido um dia perfeito. Na segunda (12), ele foi escolhido enviado especial do ICLEI (Governos Locais pela Sustentabilidade) na América do Sul e, ontem, anunciou um projeto que autoriza o Porto de Suape a receber os maiores navios que cruzam o Canal do Panamá. Os dois eventos tiveram ampla cobertura da imprensa local. Chegando perto da noite, no entanto, tudo mudou. Foi noticiado que dois contratos assinados pela Secretaria de Saúde de Recife durante a sua gestão foram reprovados em análise do Tribunal de Contas de Pernambuco. 

Na verdade, Geraldo Júlio já tinha essa informação. Como qualquer funcionário de alto escalão, tem ótimas fontes e bons amigos por lá. O que ele não sabia era que a matéria estava postada no site UOL, da Folha de São Paulo. O mesmo site que noticiou pela manhã que houve uma Operação da Polícia Federal na Prefeitura do filho do líder do Governo Bolsonaro no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB).

Na ocasião, como você leu mais cedo, Geraldo esboçou um leve sorriso. A informação era boa para ele e muito ruim para o seu eventual adversário, Miguel Coelho (MDB), prefeito de Petrolina. A matéria informava que um relatório do TCE apontou que as compras de material médico-hospitalar, sem licitação, para ajudar no combate ao novo coronavírus, apresentam indícios de irregularidades e um prejuízo estimado de R$ 8,2 milhões aos cofres públicos.